Postagens

Não nasci para eliminar a dor Não nasci para transformar a dor Nasci para rever meus passos E diante de tanta coisa que passa prestar o amor limitado pela dor

Separando os poemas

Oi caro leitor

Já separei os poemas possíveis de publicação, estou relendo-os com calma e tentando ver se eles têm algo em comum. Uma coisa já percebi. Os primeiros foram escritos antes do meu tratamento contra a depressão, então, eles carregam muito disso. Mesmo assim quero publicá-los porque fazem parte da minha vida. Vejo muita coisa que não serve para publicar em livro, talvez chegue em uns 60 poemas...acho um número razoável de poemas. Bjs. :)
Lonely O ser de asas abertas Refazendo-se de uma convulsão Onde o amor opera e cura
A mãe que carrega teu filho
é a mesma que o enterra
O filho morto que lamenta
que se regenera no além do umbral


Stephen Arroyo - Leitura astrológica

Imagem
Estou lendo este livro, pois estou fazendo um curso de astrologia. Recomendando-o.

Possessão

De madrugada
conheci um cara
que me assustou
com seu lado possessivo de ser
aviltou
me deixou com o coração na boca
e lágrimas ao chão