No espelho eu e você

Olho-me no espelho
Em mim encontro um pouco de ti
Atrás tu te encontraste

Tuas mãos percorrem meu corpo
O meu pescoço inclina-se no teu peito
Minhas mãos passeiam em tua nuca

O beijo, o abraço, o afago
Sensação que acalma
Momentos passageiros de se ver

Dois corpos que quando envoltos
Alimentam-se daquele cheiro
Tão bom de se sentir

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A luz