Eu quero

Quero que roubem meus beijos
Peguem-me com força
Do meu peito abraçado
Com a alma em constante contrição

Quero movimentos abusados
Agitem o marasmo
Desejos despertados
Com gosto de quero mais

Quero terremotos
Vulcões existenciais
Doces e quentes afagos

Como eu quero
Um pouco de ti
Sempre de mim
Te quiero, lascivamente quero

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Êxtase com McQueen