Menino

Eu sou um menino
Que voa sem desfarsar
Com aquele olhar sempre calmo
Daquele jeito bem amineirar

O tempo passou tão rápido
A face agora com algumas linhas
Já denotam que o menino ainda persiste
E sonha com belos dias ensolarados

O ambiente de cor cinza esta para trás
Num quase longínquo estar
Com aquela forte impressão
De azul, vermelho e amarelo
Tantas cores permanecerão

E no fundo escuto uma música
Ah! Vem cá meu menino
E digo: estou indo para ti
Correndo como um garoto que descobriu o que é Amar

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A luz