Congresso Nacional

Congresso
Um esgoto a céu aberto
A putrefação instaurada
Democracia de fachada

O evangelho se tornou lei?
Destruíram a constituição?
E se você é gay
Teu amor crime tornarão?

Anacrônica instituição
Não serve a população
Os anseios desprezados
Viva como rato

Não viveremos nobres deputados
A visibilidade é que nos distingue
Bandeiras e cartazes nas mãos
E o grito que ecoa, verbalize

Escrevo essa "canção"
Pra falar de coisas atuais
A indignação tomou conta
E para o deputado tanto faz

Cadê a Presidenta Dilma
Finge que não vê
As eleições estão próximas
E não quer se comprometer

O país nunca será de todos
É sim, da maioria enrugada
Podre os poderes
E a população não reage a nada

Fraco é o povo que não questiona
E aceita com passividade
Querem destruir a laicidade
E inaugurar a picaretagem.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Alexander McQueen