Poesia nonsense


Deixei de escrever e ler
Minha cabeça cansada
Entediada de dias sem fim
Os versos escassos
Cada vez mais ralos e sem nexo
Numa profunda nonsense

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A luz