Um mundo

A uma vida lá fora
Esperando a ser conquistada
Sem meias meditações
Pulso firme e coração sangrando
Arranca-te do peito ingrato
Desolações
Nunca mais existirão

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A luz