Batalha

As batalhas que teremos que enfrentar
Naqueles campos de batalha que a vida impõem
Pertenço ao exército do bem

O mundo ainda precisa muito de mim
Dos meus músculos, das minhas ideias
E eu preciso de estar no mundo

Como um pássaro que presa pela liberdade
Uma coruja na sua santa sabedoria
Um punhal de letras que penetram no papel

Minha voz nunca se calará
Diante do suplício da humanidade
Eis me aqui pronto pra lutar pelo amor e pela liberdade de cada um

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Alexander McQueen