Um domingo de manhã

Sentado a frente de um bar
Pensando na vida que passa de relance
A vodka saindo pelos poros
E eu anestesiado pela dor da perda
Perdi anos da minha vida
E ganhei outros escrevendo poesias

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Êxtase com McQueen