A dor

Desejar a dor
Resplandecer de alegria
Até que um dia a dor não exista mais
Numa sociedade multicolorida
Tons de cinza
Onde o berro passa na esquina
Momentos a sós
Deixemos de lado o mundo acelerado
Com sua ânsia de correr
A simplicidade é lenta
Como um alvorecer

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog