segunda-feira, 13 de julho de 2015

Reflexo no espelho

Refletido no espelho
Vejo um ser comum
Sem grandes alardes
Vai construindo seu espaço
Firme como rocha
Esculpindo cada palavra
Porque é da palavra que ele sobrevive
Neste mundo onde todo mundo quer ser conhecido
Ele parou para refletir
Não quero ser famoso a qualquer custo
Pode ser confuso isto que ele disse
Mas atualmente é como se senti
Quer escrever livremente suas poesias
Até que um dia alguém se interesse por aquilo que escreve
E o devore até a última estrofe


Nenhum comentário:

Postar um comentário