Rima pobre

Em algum momento serei feliz
Nestes dias a vida corrompida
Me devora
E nem há chance de sofrer calado
Porque a dor grita muito mais alto

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A luz