quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Ele/Ela

Desilusões amorosas
Chagas abertas
E depois cicatrizes
Para nos lembrar o quanto de humano temos

Não há nada de perfeito nisso
A perfeição não se encontra nas pessoas
Nem nas situações
Só há uma criatura perfeita
Livre de preconceitos e julgamentos
E ela quer habitar junto a você

Nenhum comentário:

Postar um comentário