quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Dias sombrios

Dias sombrios
Revestem-me de medo
E corto pulsos fictícios
E jorro água de lavanda

Nenhum comentário:

Postar um comentário