Em verdade, que verdade? Vos digo:

Em verdade, que verdade? Vos digo:
A consciência era única coisa que poderia parar as malfeitorias pelo mundo,
mas vejo que nem ela consegue mais para-las.

Em verdade, que verdade? Vos digo:
Viemos ao mundo para amar e não para destilar seu próprio veneno,
que é ódio revestido de santidade.

Em verdade, que verdade? Vos digo:
As amizades não suportam mais desencontros,
são frágeis ideias de pertencimento ao mundo.

Em verdade, que verdade? Vos digo:
As minhas verdades foram para o espaço,
o que me resta são as inverdades honestas.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog